PUBLICADA ORGÂNICA DA PRESIDÊNCIA DO GOVERNO DOS AÇORES QUE CRIA CENTRO MULTIMEIOS

A orgânica da Presidência do Governo Regional dos Açores, que foi publicada esta sexta-feira em Diário da República, contempla a criação de um Centro Multimeios que vai “proceder ao acompanhamento jornalístico e mediático da ação” do executivo regional.

O Centro Multimeios vai substituir o Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GaCS), que funcionou com os anteriores governos regionais, liderados pelo PS.

Segundo se lê no Decreto Regulamentar Regional, o Centro Multimeios pretende “proceder ao acompanhamento jornalístico e mediático da ação” da Presidência do Governo, do Conselho do Governo e dos departamentos do executivo.

Aquele centro vai ainda elaborar e divulgar notas de imprensa e realizar a revista de imprensa do executivo açoriano, de coligação PSD, CDS-PP, PPM, e liderado pelo social-democrata José Manuel Bolieiro.

Cabe ao Centro Multimeios “coordenar e estabelecer as relações” entre o executivo e a comunicação social e criar “meios audiovisuais e de apoio multimédia com interesse para o Governo Regional”, lê-se ainda no documento.

O novo centro vai servir para “apoiar tecnicamente, nas áreas da sua competência, todos os departamentos do Governo Regional, designadamente nos assuntos relativos à comunicação social”.

O Centro Multimeios vai também “proceder à captação técnica de som das intervenções do presidente do Governo, dos comunicados do Conselho do Governo Regional e das intervenções dos membros do Governo Regional”.

Segundo a orgânica agora publicada, a Presidência do Governo Regional integra uma secretaria-geral, o Centro de Consulta e Estudos Jurídicos, o Centro de Ciências da Informação e Documentação do Governo e os serviços da subsecretaria regional da Presidência.

Na secretaria-geral, estão integrados a Divisão de Recursos Humanos, Financeiros e do Património, o Centro de Informação e Documentação da Presidência, o Centro de Protocolo e Relações Públicas e o Centro Multimeios.

Em 13 de maio, o PS/Açores questionou as funções e os meios do Centro de Multimeios, referindo que se tratava de uma “estrutura com funções iguais” ao GACS – Gabinete de Apoio à Comunicação Social, criado pelos governos socialistas.

Em resposta, no dia seguinte, o Governo dos Açores disse que o novo Centro Multimeios vai ser um “serviço de apoio aos jornalistas”, mas “deixará de ‘bombardear’ a imprensa”, numa referência ao Gabinete de Apoio à Comunicação Social.

O PPM/Açores foi um dos partidos da coligação açoriana que defendeu a extinção do GACS, tendo esta pretensão sido salvaguardada no Programa do Governo dos Açores.

© Lusa | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s