PONTA DELGADA RENOVA FROTA DA REDE DE MINIBUS

A frota da rede minibus da cidade de Ponta Delgada, será substituída, até final deste ano, por oito novos veículos a diesel e duas novas viaturas elétricas, informou hoje a autarquia micaelense.

“Toda a frota da rede de minibus será substituída, até final deste ano, por oito novos veículos a diesel e dois novos veículos elétricos, mais amigos do ambiente e em progressivo alinhamento com as metas ambientais para a mobilidade verde”, é referido numa nota informativa do município de Ponta Delgada.

Segundo a autarquia, “o novo contrato de adjudicação do serviço de transporte coletivo regular de passageiros na cidade de Ponta Delgada” entrou em vigor na terça-feira, “depois de obtido o visto, sem qualquer reserva ou recomendação, do Tribunal de Contas”.

O contrato que agora se inicia, “pelo valor total de 2.244.000,00 euros” foi adjudicado por “um período de cinco anos ao agrupamento vencedor do concurso público” composto pelas empresas Caetano Raposo & Pereira, Auto Viação Micaelense e Varela & C.ª, segundo a autarquia.

O contrato “é o resultado de uma análise técnica exaustiva da rede de transportes urbanos e de estudo de viabilidade económico-financeira efetuado por uma empresa de referência no mercado, tendo merecido o parecer favorável do órgão regulador e de supervisão, a Autoridade da Mobilidade e dos Transportes, e o visto do órgão de fiscalização, o Tribunal de Contas”, lê-se no comunicado.

Citada na nota de imprensa, a vereadora com o pelouro da Mobilidade e Trânsito, Alexandra Viveiros, refere que é essencial “continuar a oferecer aos munícipes um serviço de minibus que, mantendo o nível de serviço já atingido, imprime agora maior exigência ao nível da qualidade do serviço prestado bem como à forma de controlo que o município tem na execução contratual”.

“Introduzimos um novo sistema de apoio à exploração que permite maior fiscalização do cumprimento dos horários e frequências e maior conhecimento da execução contratual, bem como maiores penalizações por incumprimento do contrato”, explica.

A autarquia assegura ainda que, até 2025, não haverá aumento do preço dos bilhetes da rede de minibus, “além de eventuais atualizações decorrentes da inflação”.

Um bilhete comprado a bordo do minibus custa 50 cêntimos.

A rede minibus da cidade de Ponta Delgada tem atualmente quatro linhas que se vão manter, dado que “as mesmas se encontram sedimentadas junto dos utilizadores, cobrindo quase todo o território urbano”, refere ainda o município.

“As quatro linhas cobrem desde o Hospital à Universidade, passando pelas escolas e principais serviços públicos, comércio e polos de emprego”, sublinha a vereadora, na mesma nota, recordando que “o serviço existente está bastante acima daquilo que são as obrigações de transporte coletivo urbano para perímetros urbanos com a nossa dimensão, nomeadamente ao nível da cobertura temporal, com frequências de cerca de quinze minutos”.

© Lusa | Foto: CMPD | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s