JUNTA DE FREGUESIA DAS LAJES DESEMPENHA PAPEL IMPORTANTE NA PROJEÇÃO DO CARNAVAL, DESTACA TIBÉRIO DINIS

© GC-MPV

O presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, destacou quinta-feira, na Sessão de Abertura do II Congresso Internacional do Carnaval da Ilha Terceira, na Sociedade Progresso Lajense, na vila das Lajes, o trabalho desenvolvido pela junta de freguesia local em prol do desenvolvimento e projeção desta tradição tão peculiar e cara aos terceirenses.

“A Junta de Freguesia das Lajes tem desempenhado um papel importante na projeção do Carnaval, e a concretização deste evento é prova disso. Neste local, e até 01 de fevereiro, temos um espaço aberto ao debate e com excelentes painéis no sentido de apurar eventuais soluções para os desafios que se impõem no sentido de melhor conhecermos o carnaval, para assim, o preservar e projetar”, afirmou.

Por iniciativa da Junta de Freguesia das Lajes, decorreu da última quinta-feira até ontem, na Sociedade Progresso Lajense, o II Congresso Internacional do Carnaval da Ilha Terceira, evento destinado a todos os aqueles que participam, vivem e gostam desta tradição tão enraizada na cultura popular terceirense. Durante 3 dias, ilustres personalidades do Carnaval terceirense refletiram sobre questões como “as danças, bailinhos e comédias de Carnaval Terceirense no Inventário do Património Cultural Imaterial”; o “Carnaval da Terceira como fenómeno cultural e encontro de gerações”; a “A identidade do Carnaval e aposta como atrativo turístico”; e ainda “a expressão do Carnaval e a sua manifestação na Diáspora”.

No dia de ontem, no âmbito do Congresso, foi reaberto, após obras de remodelação, o Museu de Carnaval da Ilha Terceira – Hélio Costa”.

Na sessão de abertura, Tibério Dinis, também salientou o papel fulcral do Museu Hélio Costa na potenciação da Cultura Terceirense

“Esta infraestrutura é extremamente rica na transmissão de conhecimentos relacionados com a maior manifestação de teatro popular do mundo pelas especificidades que detém, reforçando a manutenção desta tradição genuinamente vivida na Ilha Terceira, local único no mundo onde ninguém fica indiferente à criatividade presente nos diversos palcos existentes”, sublinhou.

“O Museu, cujo nome é inspirado numa das maiores personalidades da Ilha Terceira, Hélio Costa, como forma de agradecimento pelo trabalho desenvolvido em prol do Carnaval, está no caminho certo para integrar a rede regional de promoção da cultura, bem como se tornar uma referência a nível nacional no futuro pelas suas especificidades tradicionais”, referiu.

O II Congresso Internacional de Carnaval da Ilha Terceira terminou como já se referiu ontem. Para além das temáticas em reflexão, durante o evento foi apresentado o prémio literário Hélio Costa nas escolas da Ilha Terceira e vários bailinhos do Carnaval Sénior atuaram.

Foto: © GC-MPV | GC-MPV/PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s