SÃO MIGUEL RECEBE EXERCÍCIO INTERNACIONAL DE BUSCA E SALVAMENTO

A ilha de São Miguel recebe a partir de hoje um exercício internacional de busca e salvamento, com demonstrações reais na orla costeira do Nordeste, Ponta Delgada, Povoação, Ribeira Grande e Vila Franca do Campo.

A Marinha, em comunicado enviado às redações, adianta que o exercício internacional de busca e salvamento avançado, designado ‘ASAREX22’, contará com a presença de equipas e meios de busca e salvamento de entidades regionais, nacionais e internacionais, nomeadamente do Reino Unido, França, Estados Unidos da América, Canadá e Espanha, entre os dias 20 e 24 de junho, em São Miguel.

O exercício divide-se em duas partes, hoje e amanhã realizam-se palestras dedicadas às capacidades de operação das entidades, no Pavilhão do Mar, nas Portas do Mar, na cidade de Ponta Delgada.

Entre quarta-feira e sexta-feira decorrem exercícios reais na orla costeira do Nordeste, Ponta Delgada, Povoação, Ribeira Grande e Vila Franca do Campo.

Segundo a Marinha, este exercício visa promover “a interação, fomentar a cooperação e reforçar” o treino operacional e conjunto dos vários centros de coordenação de busca e salvamento marítimo, das unidades da Marinha, da Força Aérea, da Autoridade Marítima, do Sistema Nacional de Busca e Salvamento Marítimo e das entidades regionais, como a Proteção Civil açoriana e o Hospital do Divino Espírito Santo de Ponta Delgada.

O exercício culmina com a demonstração aeronaval de busca e salvamento marítimo, no dia 24 de junho (sexta-feira), entre as 11:00 e as 12:00 locais, em frente à Praia das Milícias, em São Roque, concelho de Ponta Delgada.

Segundo dados avançados pela Marinha, em 2021, o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada (MRCC) “coordenou 113 casos de busca e salvamento marítimo, com 79 vidas salvas e assistidas”, o que representou “uma taxa de eficácia de 98,8%”.

Este ano, já foram “coordenados 82 casos e salvas ou assistidas 121 vidas”, indica ainda a Marinha.

O exercício internacional de busca e salvamento é organizado pela Marinha, através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada e do Comando da Zona Marítima dos Açores.

Conta ainda com o apoio da Força Aérea Portuguesa, através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento das Lajes (RCC Lajes) e do Comando de Zona Aérea dos Açores.

© Lusa | Imagem: MP | PE