100 ANOS DA SOCIEDADE FILARMÓNICA ESPÍRITO SANTO DA AGUALVA – VOTO DE CONGRATULAÇÃO DO PS/AÇORES

O grupo parlamentar do PS/Açores apresentou quarta-feira, na Assembleia Legislativa Regional, na Horta, um voto de congratulação pelos 100 anos da Sociedade Filarmónica Espírito Santo da Agualva, assinalados no passado dia 19 de março de 2022.

Apresentamos abaixo o teor do mesmo, lido na tribuna pelo deputado praiense Berto Messias.

“No passado dia 19 de março a Sociedade Filarmónica Espirito Santo da Freguesia da Agualva, Concelho da Praia da Vitória, comemorou 100 anos de existência.

Fundada a 19 de março de 1922, os seus primeiros instrumentos foram comprados através de um peditório realizado na freguesia, contando com o apoio determinante do Dr. Ávila Gonçalves.

Na altura, a Sociedade Filarmónica Espírito Santo da Agualva era constituída por pouco mais de dez elementos, que serviam o Espírito Santo e abrilhantavam as festividades em honra da padroeira da freguesia, Nossa Senhora do Guadalupe.

A atual sede, cujo espaço foi cedido por um cidadão agualvense, foi construída por um grupo de voluntários, sendo alvo de remodelações e de melhoramentos ao longo dos anos de existência desta instituição.

Tem sido muito intensa a actividade desta Filarmónica, desde logo como escola de formação musical, mas também com inúmeras participações em vários eventos de relevo nesta área cultural e musical.

Aqui destacam-se várias actuações na Praça de Toiros da Ilha Terceira, a organização, em 3 edições, do Concurso de Bandas Filarmónicas na Freguesia da Agualva, a realização de um concerto no Auditório do Ramo Grande com várias vozes da cultura terceirense como Susana Coelho e Myrica Faya, de onde resultou a gravação do seu primeiro DVD, o concerto de Natal na Igreja da Agualva, concerto no Festival Literário Outono Vivo, Concerto da Brodway com convidados no Auditório do Ramo Grande e dois concertos com os FadoAlado.

Em 2021, esta Filarmónica apadrinhou o lançamento do Livro infantil “Ainda não é bem isto”, de dois Agualvenses, o escritor Diogo Ourique e o ilustrador Abel Mendonça, história de ficção do menino Francisco, um porta-estandarte desta filarmónica. Livro lançado no arranque das comemorações do centenário e distribuída por todas as escolas do ensino primário do Concelho da Praia da Vitória.

Além da sua intensa actividade na Ilha Terceira, foram várias as deslocações ao exterior onde se realça a deslocação à Graciosa em 1995, ao Pico em 1996, a São Jorge em 2001, a São Miguel em 2002, aos Estados Unidos da América em 2005, novamente a São Jorge em 2008 e à Graciosa em 2010.

Atualmente, a filarmónica conta com cerca de 40 elementos, prevendo-se o seu crescimento devido à sua escola de formação musical.

Saudamos, assim, o actual Presidente da direcção Marco Rocha, todos os actuais órgãos sociais, directores, músicos e respetivas famílias, bem como todos os que, ao longo de 100 anos, nas mais diversas funções, trabalharam com dedicação e empenho para construir e consolidar esta importante instituição cultural do Concelho da Praia da Vitória e da Ilha Terceira.

A Sociedade Filarmónica Espírito Santo da Agualva é hoje um exemplo de dinamismo e juventude que deve ser apoiado e fomentado.

Hoje, fazemos através deste voto o justo e merecido reconhecimento a esta Sociedade Filarmónica, mas através da celebração do centenário desta instituição, realçamos também o trabalho de todas as filarmónicas da nossa Região, enquanto escolas de formação musical, enquanto escolas de formação cívica, espaços de cidadania no seu expoente máximo, com um papel determinante na dinamização social e cultural das nossas comunidades, que envolvem milhares de açorianos.

Homenageamos assim, também, todos os que se envolvem diariamente, num trabalho voluntário e abnegado, com grande esforço pessoal, nas nossas Filarmónicas, que infelizmente passaram tempos muito difíceis nos últimos dois anos, devido aos impactos da pandemia, desejando que possam retomar e normalizar rapidamente a sua atividade, com a mesma dinâmica anterior à pandemia.

Assim, ao abrigo das disposições estatutárias e regimentais aplicáveis, o Grupo Parlamentar do Partido Socialista propõe um voto de congratulação pelos 100 anos da Sociedade Filarmónica Espírito Santo da Agualva.

Deste voto deve ser dado conhecimento aos órgãos sociais desta instituição, à Junta de Freguesia da Agualva e à Câmara Municipal da Praia da Vitória.”

© PS/A | Foto: PS/A | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s