SEMANA DAS PESCAS VOLTA 17 ANOS DEPOIS

O Governo dos Açores vai retomar a denominada Semana das Pescas, 17 anos depois, mantendo a designação do evento pelo “significado histórico” que tem para a ilha do Faial, disse hoje o titular da pasta das Pescas.

Em conferência de imprensa de apresentação da Semana das Pescas, na Horta, ilha do Faial, onde nasceu a iniciativa, o secretário Regional do Mar e das Pescas, Manuel São João, referiu que, desde o início, o propósito do Governo foi “o de recuperar o certame mantendo o seu nome, a Semana das Pescas”.

“Fizemo-lo cientes do significado histórico que este evento tem para a ilha do Faial e para a cidade da Horta, em particular, e também fizemos questão em que a realização da Semana das Pescas – porque só assim faria sentido – acontecesse aqui, na Sociedade Amor da Pátria”, declarou Manuel São João, citado em nota de imprensa.

Manuel São João adiantou que “o propósito assumido, sem descurar todo o historial da Semana das Pescas, em tempos idos, sobretudo focada na vertente da investigação, assentou numa mudança de paradigma, centrando o debate nas diferentes áreas do setor das pescas” e nos “assuntos que ao setor dizem respeito de forma transversal”.

De acordo com o Governo Regional, o certame abordará temas como a investigação, aquicultura, transformação, comercialização, fundos estruturais e a relação dos Açores com a União Europeia, passando também pela economia azul.

O governante salvaguardou, contudo, que o certame se depara com “alguns constrangimentos”.

“Encontramo-nos nesta altura, ainda que de forma lenta, quer no plano regional, quer no plano nacional, a sair de uma pandemia e com esforços redobrados na recuperação económica, temos um contexto político internacional que já está a provocar sérias dificuldades também ao setor das pescas e estamos, internamente e no plano nacional, num momento de transição de governos, motivo que também acarretou algum atraso na definição do programa final desta edição da Semana das Pescas”, salientou.

O titular da pasta das Pescas referiu ainda que o tema principal da edição de 2022 da Semana das Pescas assenta em desafios globais, porque “entende-se que a evolução que o setor registou nas mais diversas vertentes assim o justificam”.

“Mais importante que olhar para o que se fez e não fez, é perspetivar o futuro, num cenário cada vez mais globalizado e no qual os Açores, muito embora a sua pequena dimensão geográfica e económica, devem fazer parte”, apontou.

A Semana das Pescas 2022, cujo programa oficial será divulgado “em breve”, será pela primeira vez extensiva à ilha do Pico, onde, “presentemente a indústria conserveira volta a fazer parte importante da economia regional e da picoense, em particular, fruto dos investimentos em curso e programados para os próximos anos”, acrescentou.

© Lusa | Foto: SRMP | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s