GOVERNO REFORÇA FORMAÇÃO E QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL PARA “POTENCIAIR CARREIRAS”

O secretário Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego anunciou o reforço da qualificação profissional na Região, para “potenciar as carreiras profissionais e fazer funcionar o elevador social” no arquipélago.

Duarte Freitas falava em Ponta Delgada, esta quinta-feira, na abertura do Fórum Regional da Qualificação Profissional: “Valorizar os Açorianos – Horizonte 2030”.

“Um projeto de definição da Qualificação Profissional no presente, mas de olhos postos no futuro, onde queremos estar, mais qualificados, mais capazes e competitivos”, sublinhou o governante, reiterando a aposta do executivo de coligação PSD/CDS-PP/PPM na qualificação profissional com a colaboração das escolas profissionais e entidade formadoras.

Sobre o Fórum Regional de Qualificação Profissional, Duarte Freitas disse que o evento será “um contributo imprescindível para a definição de uma qualificação profissional para o futuro da Região, com o desejo de culminar no reforço e na melhoria do ensino e da formação profissional”.

Para o secretário regional, citado numa nota enviada às redações, a finalidade é “melhorar os índices de qualidade de vida” de todos os açorianos, “potenciar as carreiras profissionais e fazer funcionar o elevador social na Região”.

Desde o início da legislatura, o executivo açoriano elegeu a formação e qualificação profissional como uma das “principais prioridades, num quadro de constante incentivo e manutenção de um bom relacionamento com os parceiros sociais”, sublinhou ainda Duarte Freitas

O governante referiu também que o emprego será “sempre uma preocupação, já que, ele estará cada vez mais associado às qualificações dos candidatos e à oferta do mercado, seja ela de âmbito local, regional, nacional ou internacional”.

“Conseguimos não só estabilizar o emprego na Região, como contribuir para o aumento salarial”, garantiu, referindo-se a medidas criadas e implementadas pelo XIII Governo Regional dos Açores, o caso do FORM.AÇORES, o CONTRATAR ou o Programa GERAÇÃO AÇORES PRO.

O Fórum, que decorre até amanhã, conta com a participação de 37 moderadores e oradores regionais, nacionais e internacionais, distribuídos por 10 painéis, dos diretores das 17 Escolas Profissionais da Região, formandos, formadores, técnicos das áreas da qualificação profissional, entidades formadoras certificadas, empresas privadas e representantes de diversas instituições, bem como a Comissão Europeia.

Todos os contributos, no âmbito do Fórum Regional, “darão origem ao Livro Branco, a editar em janeiro de 2022, em que se irão materializar as reflexões produzidas, com vista a apontar as grandes linhas orientadoras das políticas de qualificação profissional para a década”, adianta a nota.

A iniciativa já percorreu todas as ilhas com escolas profissionais, nomeadamente Faial, Pico, São Jorge, São Miguel e Terceira, através de cinco sessões online (Webinars), atendendo ao contexto da pandemia de covid-19, envolvendo o Conselho Económico e Social, entidades formadoras, responsáveis pela educação, autarquias locais, entre outros agentes, num espírito de proximidade e abertura à sociedade civil.

© Lusa | Foto: GRA/JF | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s