PS/AÇORES DIZ QUE REGIÃO ESTÁ A “FICAR PARA TRÁS” NA RETOMA DO TURISMO

O líder do PS/Açores, Vasco Cordeiro, disse hoje que o arquipélago açoriano está a “ficar para trás” na retoma do turismo quando comparado com outras regiões, criticando a falta de “liderança política” no setor.

Após uma reunião com a Associação de Turismo dos Açores (ATA), em Ponta Delgada, o socialista defendeu a necessidade de “melhorar” os apoios destinado às empresas turísticas, mas alertou que a região devia estar também a “preparar a retoma” do setor.

“Essa componente de ajudar as empresas não nos pode fazer esquecer do essencial. O essencial é criar condições para que elas possam gerar receitas e fazer o seu caminho por si só”, começou por dizer aos jornalistas.

Na componente da retoma, os Açores estarão “um pouco a ficar para trás” naquilo que acontece com outras regiões, disse, apontando o caso da Madeira “que ainda ontem [quinta-feira] anunciou que vai entrar novamente na ‘lista verde’ do Reino Unido”.

Na quinta-feira, foi anunciado que o arquipélago da Madeira, as ilhas Baleares e algumas das Caraíbas, incluindo Barbados, vão ser adicionadas à “lista verde” de viagens internacionais e isentas de quarentena na chegada a Inglaterra.

Vasco Cordeiro defendeu ser “essencial” que o Governo dos Açores, de coligação PSD/CDS-PP/PPM, tenha a “consciência” de que a região está a “competir com outras regiões” pelos fluxos turísticos.

“Esta perceção, que não é apenas do PS, de que nós estamos a ficar para trás, que nós estamos a perder-nos nesta marcha, comprovada também daquilo que vai acontecendo noutras regiões, é uma preocupação muito grande”, afirmou.

O antigo presidente do Governo Regional afirmou ainda que a ATA “está a fazer o seu papel”, mas que é “necessário somar esforços” para o “objetivo da retoma”, considerando que “neste momento está em falta” uma “liderança política” sobre o setor.

Considerando que os “crescimentos dos números” do turismo na região nos últimos meses “não são suficientes” para que as “empresas possam por si só fazer o seu caminho”, Vasco Cordeiro defendeu a prorrogação das moratórias dos empréstimos bancários.

“É necessário prorrogar essas moratórias, de forma a continuarmos a ter um tecido empresarial, empresas e estruturas do setor turístico que são essenciais para depois aproveitarmos a retoma”, apontou.

O líder parlamentar do PS/Açores disse ainda ser “fundamental” existir uma “coordenação” entre o Governo Regional e os empresários para “melhorar a comunicação” sobre a “relação entre o turismo e a saúde pública”.

“Compreensivelmente há um receio e uma perceção de que o turismo é uma ameaça à saúde pública [devido à pandemia de covid-19]. Isto não é assim, os números não comprovam essa perceção” assinalou.

Segundo os últimos dados do Serviço Regional de Estatística, de janeiro a abril de 2021, os Açores registaram 186,8 mil dormidas, um valor inferior em 40,5% ao registado no período homólogo de 2020.

© Lusa | Foto: PS/A | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s