PS/AÇORES ALARMADO COM O AUMENTO DO NÚMERO DE DESEMPREGADOS NO PRIMEIRO TRIMESTRE DO ANO

Reagindo aos dados hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística sobre o inquérito ao emprego nos Açores, o deputado do grupo parlamentar do PS/Açores, Vílson Ponte Gomes, revelou-se preocupado e diz estar alarmado com a diminuição do número de empregados, o consequente aumento dos desempregados e ainda com o crescimento “significativo” de pessoas em programas ocupacionais “em apenas três meses”.

“Os valores do Inquérito ao Emprego, hoje divulgados, evidenciam uma grande redução dos açorianos empregados e do aumento do desemprego, no primeiro trimestre deste ano. Estes dados são alarmantes e confirmam a inversão da trajetória que estava a ser seguida nos Açores e que nos permitiu, apesar dos efeitos devastadores da pandemia, manter em 2020 o emprego na Região”, disse Vílson Ponte Gomes citado em nota de imprensa do partido.

“Esta realidade é ainda mais preocupante quando no mesmo período se verificou, também, um aumento significativo dos açorianos em programas ocupacionais. Com este Governo os Açores deixam de ter a taxa de desemprego mais baixa do País e a taxa desemprego sobe de 5,5% para 6,8% apenas num trimestre. É preciso que este governo altere urgentemente as suas políticas para proteger os trabalhadores e o emprego”, alertou.

“Vemos que no primeiro trimestre deste ano, e em apenas três meses, se registou uma diminuição de 4.400 açorianos empregados e os desempregados açorianos aumentaram para 7.900 pessoas”.

“Esta realidade é ainda mais grave porque no mesmo período existem mais 1000 açorianos ocupados e, simultaneamente, a população ativa e o número de Açorianos empregados diminuíram muito”, destacou Vílson Ponte Gomes.

“Não podemos deixar de estranhar ainda o crescimento muito significativo do número de Açorianos em programas ocupacionais, o que no passado era alvo de duras críticas dos deputados da coligação que, agora que suportam o governo regional, concordam que se faça exatamente o contrário do que diziam”, acrescentou.

Vílson Ponte Gomes insiste na “importância do atual Governo inverter a sua estratégia e implementar e reforçar as medidas de apoio ao emprego, ao invés de facilitar os despedimentos, como acontece com algumas das alterações feitas aos programas de apoio ao emprego que estavam em vigor na anterior legislatura e que permitiram proteger o emprego, o rendimento e as empresas, principalmente durante a pandemia”.

“Este governo tem de anunciar menos e fazer mais, não pode continuar a limitar-se a copiar parcialmente, e com menos intensidade, as medidas anteriormente tomadas”, refere

“Os resultados demonstram que as opções deste governo estão a ser erradas e que os resultados contrariam os anúncios”, concluiu o parlamentar socialista.

© GI-PS/A | Foto: GI-PS/A | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s