CÂMARA DA PRAIA JÁ EXECUTOU MAIS DE 600 MIL EUROS EM REQUALIFICAÇÃO DE CALÇADAS NO CENTRO HISTÓRICO DA CIDADE

A Câmara Municipal da Praia da Vitória já executou, desde início do mandato do atual executivo, mais de 600 mil euros em projetos de requalificação urbana no centro histórico da cidade, melhorando pisos em calçadas, reordenando passeios e intervindo ao nível das redes de águas pluviais.

O montante foi avançado pelo presidente da edilidade, Tibério Dinis, na apresentação da nova fase do plano de requalificação urbana da cidade, no edifício sede da Junta de Freguesia de Santa Cruz, no âmbito da iniciativa municipal “Presidência Aberta às Freguesias e Vila do Concelho da Praia da Vitória”, que esta segunda-feira foi dedicada à maior freguesia do concelho.

Na primeira fase do plano de requalificação urbana do centro histórico da Praia da Vitória foram realizadas intervenções na rua do Hospital ao nível da calçada e da correção dos desníveis que se verificavam entre a estrada e o passeio, bem como a construção de uma nova rede de águas pluviais.

A rua da Artesia recebeu uma nova asfaltagem e os sentidos de trânsito foram reordenados, com construção de uma rotunda no cruzamento com o largo da Luz e a rua Comendador Francisco José Cardoso.

Na rua Conselheiro Constantino José Cardoso foram requalificados o piso em calçada e os passeios para peões.

Por fim, a rua Comendador Francisco José Barcelos foi totalmente repavimentada.

Na segunda fase do plano, com a empreitada a avançar em breve, a Câmara Municipal vai melhorar o piso em calçada da rua de São Salvador e da rua do Cruzeiro e substituir o asfalto degradado da travessa de São Salvador por calçada, assim como serão intervencionados os passeios para peões (nas duas primeiras artérias) e construído um passeio na travessa de São Salvador.

Além destas intervenções, a praceta Dr. Teotónio Machado Pires vai ser totalmente reordenada, ganhando uma nova “cara”. Com a repavimentação das vias de circulação, a rotunda atualmente existente será eliminada, serão criadas bolsas próprias de estacionamento, os passeios para peões serão alargados e será criada uma zona verde no espaço.

Esta segunda fase do plano está orçamentada num total de cerca de 300 mil euros, sendo que 90 mil euros estão reservados apenas à intervenção na praceta Dr. Teotónio Machado Pires.

© GC-MPV | Foto: GC-MPV | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s