ESCOLA DO CABO DA PRAIA VAI SER AMPLIADA

No âmbito da iniciativa “Presidência Aberta às Freguesias e Vila do Concelho”, o presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, apresentou ao final da tarde de ontem, 07.09.2020, o projeto de ampliação da Escola Básica e Jardim de Infância (EB/JI) do Cabo da Praia, visando aumentar a capacidade da escola, anexar o Centro de Atividades de Tempos Livres ao edifício e criar uma zona coberta de ginásio.

Orçado em 160 mil euros, este projeto, segundo revelou Tibério Dinis, foi totalmente desenvolvido pelos técnicos municipais, e destina-se a proporcionar melhores condições aos alunos e ao pessoal docente e não docente, através da criação de uma nova sala, novas instalações sanitárias, uma nova zona de ginásio (que, atualmente, não existe) e novas acessibilidades (nomeadamente a pessoas com mobilidade reduzida), bem como fará com que o ATL (Atelier de Tempos Livres) municipal, atualmente a funcionar na sede da Junta de Freguesia e completamente lotado, possa ser integrado no edifício escolar, permitindo uma melhor gestão do parque escolar, evitando-se transportes da escola para o ATL e conferindo também maior segurança aos alunos e aos seus pais.

Na apresentação, na Casa do Povo local e aberta à participação do público, Tibério Dinis identificou ainda para o projeto outra importante vantagem, que se prende com a atratividade, porque ao melhorar as suas condições, o estabelecimento apresenta-se mais apelativo, nomeadamente, e especificou, “para as dezenas e dezenas de pessoas que todos os dias, e de toda a ilha, se deslocam para vir trabalhar para a zona industrial do Cabo da Praia e que queiram ter os seus filhos numa escola mais próxima do seu local de trabalho”.

Em tempos com nuvens negras relativamente ao seu eventual encerramento, a Escola do Cabo da Praia tem mantido um número regular de alunos inscritos e um nível de aproveitamento escolar acima da média regional.

Apresentado o projeto com a concordância genérica da comunidade escolar, a Câmara vai agora avançar para o desenvolvimento dos projetos de especialidade, prevendo realizar todos os procedimentos concursais a tempo de que as obras possam iniciar-se no final do ano letivo que está preste a começar.

Foto: © GC-MPV | GC-MPVPE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s