FORCADOS DA ILHA TERCEIRA ASSOCIAM-SE AO PROTESTO NACIONAL CONTRA CENSURA CULTURAL DA MINISTRA GRAÇA FONSECA

O Grupo de Forcados Amadores do Ramo Grande (GFARG) assim como o Grupo de Forcados Amadores da Tertúlia Tauromáquica Terceirense (GFATTT) associam-se ao protesto nacional da Associação Nacional de Grupos de Forcados (ANGF), a realizar no próximo dia 27 de junho, contra as medidas de desconfinamento do Governo de Portugal que preconceituosamente não incluem os eventos tauromáquicos.

Neste sentido, o dois grupos de forcados convocam os aficionados terceirenses para no próximo dia 27 de junho, sábado, pelas 10:00, comparecerem na praça de toiros da ilha Terceira, em Angra do Heroísmo, a fim de integrarem uma marcha taurina de protesto para com a censura imposta pela ministra da Cultura, Graça Fonseca, à tauromaquia, determinada pelas suas preferências pessoais e consubstanciada numa discriminação inqualificável aos eventos tauromáquicos e todos os seus agentes.

Numa publicação na rede social Facebook, o grupos dizem não ignorar tudo o que o Governo dos Açores “tem feito de bom pela tauromaquia e o apoio que tem dado”, mas enquanto portugueses não podem “aceitar a discriminação de que a tauromaquia tem sido alvo a nível nacional”.

Sublinham, na referida publicação, que a “tauromaquia na Terceira tem muita expressão, tal como em muitas regiões do país, e para além da questão cultural é a fonte de rendimento de milhares de pessoas”, razão pela qual não podem estar indiferentes, nem deixar de estar solidários para todos aqueles que neste momento enfrentam grandes dificuldades na sustentabilidade dos seus negócios e no sustento das suas famílias, só porque há uma ministra que do alto da sua superioridade cultural renega aquela que é a cultura e tradição de parte significativa do seu povo.

Sob o lema a “Cultura não se Censura”, os dois grupos convocam todos os aficionados para aparecerem nesta manifestação e “de forma ordeira, sem palavras de ordem, respeitando todos os cidadãos”, cumprindo as regras de distanciamento social, a etiqueta respiratória e usando máscara social, manifestarem o seu repúdio por uma ação de marginalização inteiramente inadmissível num Estado de Direito Democrático.

PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s