JOSÉ MANUEL BOLIEIRO DIZ QUE POVO AÇORIANO “DESEJA ESTABILIDADE” POLÍTICA

O presidente do PSD/Açores, José Manuel Bolieiro, disse esta sexta-feira que o povo açoriano “deseja estabilidade” política na Região e que o “diálogo democrático” iniciado após as eleições regionais de 2020 é “para durar”.

“É já uma certeza democrática a de que o Povo deseja estabilidade, mesmo quando favorece a pluralidade representativa democrática. Sem maioria absoluta, o desafio foi então, e é atualmente, e com tendência para durar, o do diálogo democrático, concertação, e coerência de princípios e valores sólidos da social-democracia, do humanismo e do reformismo, sob a liderança do PSD”, afirmou José Manuel Bolieiro, citado em nota de imprensa, na sessão de abertura do 25.º Congresso do PSD/Açores.

Segundo o líder dos social-democratas açorianos, “a coligação do Governo, apesar de sólida, não podia dispensar, nem dispensou o valor da estabilidade, com os acordos de incidência parlamentar, que influenciaram positivamente a própria configuração e conteúdos do programa de Governo e respetivas orientações de médio prazo, que estabilizam assim o mandato até 2024”.

“Assumimos e cumprimos. Convictos do mandato democrático recebido, tanto pelo povo, como pelo nosso partido, empenhados no diálogo e concertação política, e firmes nos valores, a assunção da governação dos Açores teve e tem em horizonte uma visão estratégica e reformista, para a próxima década nos Açores”, frisou.

José Manuel Bolieiro sublinhou a execução que o Governo Regional da Coligação PSD/CDS-PP/PPM está a fazer dos “compromissos firmados” com os açorianos no início da legislatura.

“Somos gente de palavra. Em cada dia de governação dos Açores tudo fazemos para honrar os nossos compromissos perante os açorianos. Estamos a governar a Região. Estamos a fazer escolhas. Estamos a decidir que caminhos a seguir. Temos uma governação proactiva. Antecipamos a resolução dos problemas. Não corremos atrás deles”, lembrou.

O presidente do PSD/Açores lembrou diversas das medidas já cumpridas pelo atual Executivo, em áreas como os transportes, a saúde ou a redução dos impostos.

“Comprometemo-nos a baixar os impostos: IVA, IRS e IRC. Desde janeiro de 2021 as empresas açorianas passaram a pagar menos IRC. E as famílias açorianas pagam menos IVA, desde 1 de julho de 2021. E a 1 de janeiro de 2022 os açorianos passaram a pagar menos IRS”, recordou.

O líder dos social-democratas açorianos destacou igualmente a redução substancial do preço das passagens aéreas inter-ilhas, promovendo a mobilidade dos açorianos e contribuindo para o fortalecimento do mercado interno.

“Comprometemo-nos a reduzir substancialmente o preço das passagens aéreas para residentes. Implementamos a ‘Tarifa Açores’. Com um preço máximo de até 60 euros, para uma viagem de ida e volta entre todas as ilhas da Região. Dito e feito”, afirmou.

José Manuel Bolieiro salientou igualmente que o atual Governo dos Açores está a efetuar o maior investimento de sempre no Serviço Regional de Saúde, de forma que este “respondesse melhor às necessidades dos açorianos”.

“Estamos a realizar investimentos na Saúde como nunca havia sido feito. E, por isso, há mais cirurgias. Há mais consultas. E há mais exames de diagnóstico do que havia antes da pandemia”, lembrou.

O presidente do PSD/Açores referiu ainda que o 25.º Congresso do PSD/Açores tem como grandes objetivos “falar da nossa terra, dos nossos projetos, dos nossos sonhos, das nossas ideias”.

“Não nos move falar dos outros, queremos falar dos Açores, do nosso povo, das ambições e das conquistas já alcançadas e daquelas que queremos alcançar. Quem perde tempo a falar dos outros, não tem tempo de cuidar do que é verdadeiramente importante”, disse.

Segundo o líder social-democrata, “o que mais importa é o nosso presente e futuro coletivos”.

© PSD/A | Foto: PSD/A | PE