AUTÁRQUICAS 2021: RESULTADO ELEITORAL “FORTALECE COESÃO” DA COLIGAÇÃO DE GOVERNO, CONSIDERA BOLIEIRO

O presidente do Governo e do PSD/Açores, considerou hoje, em conferência de imprensa na cidade da Horta, que os resultados das eleições autárquicas “fortalecem a coesão” do Governo Regional da coligação PSD/CDS-PP/PPM, alegando que os açorianos reconheceram que uma “solução de governo plural funciona”.

“Concluímos, com objetividade, que o resultado eleitoral nos fortaleceu e reforçou a coesão desta solução governativa para os Açores”, afirmou José Manuel Bolieiro, que juntamento com o líderes regionais do CDS-PP, Artur Lima, e do PPM, Paulo Estevão, fazem uma leitura regional das autárquicas deste domingo.

O líder dos social-democratas açorianos garantiu que o Executivo da coligação PSD/CDS-PP/PPM vai tratar de forma “isenta” todas as autarquias, independentemente da sua cor política.

“O princípio de lealdade democrática que nos caracteriza impõe-nos uma relação isenta com todos os autarcas eleitos, independentemente da sua cor partidária, porque agora, após as eleições, representam o seu povo e o seu território”, assegurou José Manuel Bolieiro.

Já o presidente do CDS-PP/Açores, Artur Lima, sublinhou que os eleitores açorianos consideraram, nas autárquicas, que a atual solução governativa tem garantido “resultados positivos” para os cidadãos.

“Os açorianos reconheceram que esta forma de governo plural funciona. Está a funcionar a bem dos Açores e tem tido resultados muito positivos para as nossas populações”, referiu o líder regional do CDS-PP.

Por seu lado, o coordenador do PPM/Açores, Paulo Estevão, afirmou que os resultados eleitorais revelam que os açorianos estão satisfeitos com a atuação do Governo Regional, destacando ainda que os municípios liderados pelos partidos da coligação ou com o seu apoio representam 67% da população do arquipélago.

“É evidente que se não existisse uma apreciação positiva do desempenho do Governo Regional estes resultados eleitorais não teriam sido possíveis. Uma má governação não teria originado resultados tão significativos”, frisou.

Segundo os líderes dos três partidos que formam o Governo Regional dos Açores, com suporte parlamentar do Chega, da Iniciativa Liberal e do deputado não inscrito Carlos Furtado, o resultado das eleições autárquicas demonstra que se está a consolidar uma mudança de ciclo político.

Nas eleições autárquicas de 26 de setembro de 2021, os partidos que suportam o Governo dos Açores (PSD/CDS-PP/PPM) conquistaram a presidência de nove câmaras municipais da Região, tantas quantas o PS, tendo o movimento independente ‘Dar Vida ao Concelho’ – apoiado pelos partidos da coligação – ganho a Câmara Municipal da Calheta.

Considerando os partidos da coligação individualmente, o PSD obteve 34.182 (27,54%) votos, o CDS-PP 2.077 (1,67%) e o PPM não concorreu em qualquer município. Os três partidos coligados, nas diversas nomenclaturas, obtiveram 21.387 (17,23%) dos votos expressos.

O PS, que foi o único partido que concorreu às 19 autarquias dos Açores, obteve 53.537 (43,14%) votos.

© GI-PSD/A | Foto: PSD/A | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s