OUTONO VIVO 2020: CÂMARA DA PRAIA FAZ “BALANÇO POSITIVO”

Terminou no passado domingo, 08 de novembro, na cidade da Praia da Vitória, a edição de 2020 do festival cultural “Outono Vivo”, da qual, o presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória (CMPV), Tibério Dinis, faz um “balanço positivo”, realçando “a forte aposta nos artistas e escritores locais e regionais”.

De pé desde 23 de outubro, o “Outono Vivo” 2020 repartiu-se por três espaços: Academia de Juventude e das Artes da Ilha Terceira, Auditório do Ramo Grande e Jardim Municipal Silvestre Ribeiro, e incorporou a XV Feira do Livro, que desde há 8 anos a esta parte, vem tendo como parceiro comercial a Papelaria 96.

Em declarações aos jornalistas, no final do evento, Tibério Dinis, destacou ainda o “importante papel pedagógico” desta edição ao nível “do incentivo à literatura e à promoção de hábitos de leitura junto dos mais novos”, recordando que o Município distribuiu vouchers por todas as crianças a frequentar creches, jardins-de-infância e escolas do primeiro ciclo do concelho (no valor global de 4000 euros), para que “os mais novos pudessem adquirir livros”, na senda de concretização da política municipal de criação e estímulo a hábitos de leitura e de escrita nas faixas etárias mais jovens da sociedade praiense.

Decorrente do atual contexto pandémico, a realização da edição deste ano do “Outono Vivo” esteve em dúvida, porém, a CMPV decidiu levá-la por diante, adotando todas as medidas de segurança sanitária emanadas pelas entidades de saúde e mostrando que é possível desconfinar com segurança e com confiança. De resto, sublinhou Tibério Dinis, “foi importantíssimo realizar este Outono Vivo mostrando que a cultura não pode parar, mesmo em tempo de pandemia”, e acrescentou, “creio que a mensagem principal que se pode tirar do Outono Vivo 2020 é a de que devemos desenvolver a nossa vida em segurança, com as adaptações possíveis, desde que cumprindo com todas as regras e recomendações das autoridades de saúde”.

Salientando “a trajetória de crescimento” do evento, “a grande notoriedade regional e nacional que já alcançou” e manifestando a esperança de que, no futuro, “sejam dadas asas aos sonhos de fazer crescer o Outono Vivo”, o autarca comprometeu-se “com uma internacionalização” do evento, fazendo o Outono Vivo chegar à Diáspora e à Lusofonia.

A edição 2020 do Outono Vivo e da XV Feira do Livro decorreu entre 23 de outubro e 8 de novembro, cumprindo com todas as normas de segurança definidas pelas autoridades de saúde, disponibilizando 50 mil livros, com chancelas de mais de 60 editoras e 22 mil títulos na Feira do Livro e promovendo espetáculos de teatro, concertos, sessões de cinema, conferências, debates, exposições de arte, recitais de poesia e apresentações de livros.

© GC-MPV | Foto: GC-MPV | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s