SÃO ROQUE DO PICO: FURO DE CAPTAÇÃO DAS ROÇAS COM SISTEMA DE MONITORIZAÇÃO

Com o objetivo de controlar à distância o surgimento de avarias e melhorar a rapidez de atuação, a Câmara Municipal de São Roque do Pico continua a investir na modernização do sistema de abastecimento de água do concelho.

Neste momento está a ser instalado entre o Furo de Captação das Roças e o da Ribeira um sistema de monitorização que comunica em tempo real os consumos de água através de uma mensagem de telemóvel.

Atualmente essa leitura é efetuada presencialmente por um funcionário da Câmara Municipal de São Roque do Pico, o que deixará de ser necessário após a conclusão dos trabalhos em curso.

Com este novo sistema será possível detetar no imediato a quantidade de água que está a ser transferida para o reservatório e perceber a capacidade existente no lençol freático. Além disso, permitirá identificar uma possível avaria, caso ela aconteça, sem ser necessário uma deslocação ao local, assegurando a longevidade dos equipamentos.

O novo sistema vai associar-se à comunicação já existente entre os dois furos de captação e que transmite, através de mensagem de telemóvel, as avarias das bombas e das válvulas motorizadas do Furo das Roças.

MARK SILVEIRA VISITA OBRAS DE REQUALIFICAÇÃO DA PRACETA DOS BALEEIROS

O Presidente do Município de São Roque do Pico, Mark Silveira, visitou quarta-feira, 28 de outubro, a obra de ‘Requalificação do Espaço Urbano Público na Praceta dos Baleeiros’, no Cais do Pico.

O autarca inteirou-se sobre o bom andamento dos trabalhos e acompanhou o processo de implantação dos passeios que permitirão melhorar as condições e a segurança de todos os que circulem a pé naquele importante espaço urbano onde está localizado o Museu da Indústria Baleeira de São Roque do Pico, o Clube Naval, o Quiosque de Turismo e a Zona Balnear da Rampa.

No local, Mark Silveira realçou a importância do investimento de 260 mil euros para “requalificar e valorizar” os legados históricos associados à atividade baleeira numa das zonas mais emblemáticas da vila de São Roque do Pico, criando, em simultâneo, condições para projetar a marca ‘São Roque do Pico-Capital do Turismo Rural’.

A intervenção num espaço de 4000 metros quadrados vai permitir a requalificação de pavimentos e o reforço dos muros laterais da antiga rampa de varagem das baleias.

O pavimento será coberto com um tapete betuminoso de cor vermelha, salvaguardando-se o lajeado de pedra remanescente do antigo pátio de desmancha, e serão construídos ao redor passeios até agora inexistentes. Além disso, inclui a instalação de candeeiros, consistindo na recuperação e replicação dos de betão existentes.

Aproveitando as obras no pavimento está projetada a implementação de tubagens destinadas à água e eletricidade para servir as instalações provisórias utilizadas habitualmente durante o Festival Cais Agosto.

AUTARQUIA DESCONTENTE COM DECISÃO DO MONTEPIO GERAL

O Presidente da Câmara Municipal de São Roque do Pico apelou quarta-feira, 28 de outubro, aos clientes do Montepio Geral no concelho que “ameacem” transferir as suas contas para outras instituições bancárias caso aquela instituição de crédito mantenha a intenção de abrir a agência localizada na Rua do Cais apenas dois dias por semana.

A posição do autarca foi tomada depois de o Montepio Geral ter anunciado que, a partir de 2 de novembro, vai passar a funcionar em São Roque do Pico apenas à terça e quinta-feira, alternando com o balcão das Lajes do Pico, que passará a estar aberto às segundas, quartas e sextas-feiras.

Esta decisão não agrada ao Presidente da Câmara Municipal de São Roque do Pico. Mark Silveira lamenta a opção da instituição bancária, sobretudo numa altura em que se está a promover mais atividade económica com a recém-criada incubadora de empresas, e apela aos munícipes para que “ameacem” transferir as suas contas para outro banco: “Perante esta decisão inexplicável deixo um apelo aos munícipes de São Roque do Pico, clientes do Montepio Geral, como forma de pressão para tentarem reverter esta decisão, que ameacem encerrar as suas contas naquela instituição de crédito”.

O autarca lembra que “sem clientes uma instituição de crédito não sobrevive” e reclama respeito pela população e clientes com residência em São Roque do Pico, que há vários anos mantêm uma relação de confiança com o Montepio Geral: “Manifesto o meu profundo desagrado e descontentamento com a decisão do Montepio Geral, sobretudo numa altura em que anunciámos a Incubadora de Empresas na qual já temos um significativo número de empresas incubadas e a incubar. Ou seja, quando estamos a promover mais dinamização económica, uma instituição de crédito como o Montepio Geral, fortemente enraizada neste concelho, trata os nossos munícipes sem a dignidade merecida”.

O Presidente da Câmara Municipal de São Roque adianta que a qualidade de serviço do Montepio Geral no concelho “só será assegurada com a abertura da agência cinco dias por semana”, lembrando que, apesar dos meios digitais existentes permitirem resolver muitas questões, no concelho “há uma larga franja de população que não lida com essas opções”.

© CMSRP | Fotos: CMSRP | PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s