SECRETÁRIA DOS TRANSPORTES ENALTECE TRABALHO DOS TRABALHADORES DA SATA NA REPOSIÇÃO DE LIGAÇÕES

A Secretária Regional dos Transportes, Ana Cunha, enalteceu ontem, em Ponta Delgada, o trabalho realizado pelos profissionais da SATA na reposição das ligações aéreas no rescaldo da greve ocorrida nos últimos dias.

Em declarações a jornalistas, no rescaldo da greve dos TMA – Técnicos de Manutenção Aeronáutica – que terminou ontem, a Secretária dos Transportes declarou, primeiramente, que “gostava de deixar claro que lamentamos os constrangimentos que foram causados por esta greve de três dias, aos passageiros e aos açorianos em particular, com situações bastante preocupantes, sobretudo em véspera de noite de natal”.

Neste âmbito, Ana Cunha ressalvou ainda que “houve uma facilidade por parte dos Sindicatos, e atendendo a que estamos na véspera de Natal, de permitir que houvesse uma exceção aos serviços mínimos, mencionando ainda “o excelente trabalho de todas as equipas da SATA, inclusive os TMA que estiveram ao serviço, para que se tentasse repor as ligações e levar todas as pessoas ao seu destino final”,

A Secretária lembrou ainda que, não obstante o mau estado do tempo previsto para os próximos dias, a SATA fez todos os esforços para proteger todos os passageiros afetados pela paralisação.

Ana Cunha explicou que a SATA encontra-se “desde outubro, através de uma comissão negociadora, a negociar com os TMA, as suas reivindicações”, tendo a última reunião ocorrido nos passados dias 19 e 20 de dezembro, indicando ainda que durante estes encontros, “houve uma aproximação muito grande aquelas que eram as reivindicações dos TMA”, por parte do Conselho de Administração da companhia.

“Inclusivamente, na sequência da reunião que tiveram comigo enquanto tutela, ficou o compromisso de uma reivindicação legítima dos TMA, de terem o seu próprio acordo de empresa negociado à parte e redigido à parte”, explicou a Secretária, esse acordo esse foi conseguido. “Ou seja, em termos de valorização profissional, tudo o que foi solicitado e proposto pelos TMA foi acudido, à exceção da questão remuneratória”, disse.

Ana Cunha denotou ainda que foi chegado ao compromisso de que o novo acordo seria negociado a partir de janeiro com a nova administração, afirmando ainda a Secretária que a tutela não se deve imiscuir na questão remuneratória.

No âmbito do acordo de empresa, a Governante considerou que foi dado “um importantíssimo passo no sentido da valorização da categoria profissional, não só por alguns acréscimos remuneratórios a que se chegaram a acordo, e pelo compromisso de existência de um acordo de empresa específico para esta categoria profissional”, denotando que estes profissionais estavam integrados no acordo de empresa de 1983, que abrange a maioria dos trabalhadores da SATA Air Açores. “E a SATA acedeu a destacá-los e a negociar com eles, a partir de janeiro, um acordo de empresa em separado”, completou.

A Secretária afirmou ainda que “há que ter noção, também, não só da importância e da valorização deste grupo profissional, mas também da situação da empresa”, enfatizando que o impasse negocial “fica nas mãos de ambas as partes que estão o negociar” e que o Governo Regional esteve “sempre presente” nesta situação.

Ana Cunha deixou ainda claro que o Governo Regional continuará disponível a trabalhar diretamente com a administração da SATA, sempre com o objetivo de ter a companhia aérea regional o mais forte possível e sempre ao serviço dos Açorianos.

GaCS/SRTOP/PE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s